BlogBlogs.Com.Br

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Entregando o Ouro

"Mãe, lembra que você botou balinha na minha lancheira outro dia?" perguntou a nanica puxando conversa.
"Não lembro não, filha. Eu nunca coloquei bala na lancheira. Na lancheira só coloco coisas saudáveis!" respondo eu, confusa.
"Botou sim mãe, botou!" insiste ela.
"Filha, eu NUNCA colocaria bala na tua lancheira! Na lancheira só entra lanchinho que alimenta e bala não alimenta!" retruco.
"OOOPS!" reage ela, cobrindo a boca como quem percebe que falou o que não deve.
"Oops? Oops o que?" digo, já prevendo a resposta.
"Nada não, mãe..." diz ela, disfarçando (pessimamente, por sinal!).
"Fala filha... oops o que?" insisto.
"Acho que foi meu pai, né?" responde ela, com um ar maroto. E completa: "Quando era meu pai que estava fazendo meu lanchinho, sempre tinha chocolate. Ele sempre botava. Você não põe, né? Porque você é mãe e as mães sabem que só pode comer coisa saudável no lanchinho."
Com isso, a mãe percebeu que ela precisa largar tudo pela manhã, adiar ou adiantar a hora da mamada do caçulinha, e ir, pessoalmente, preparar o lanchinho da baixinha!

Um comentário:

  1. ehehehh!! Adorei!!! Mas é isso aí mesmo... as mães sabem! rsrsrs!!!

    ResponderExcluir